Arquivo da categoria: Dofus

Bworker

Olá meus povos e minhas povas,

Shoryuken!

 

 

É de conhecimento comum para a maioria dos jogadores de dofus que o povo bwork não é muito intelectual, perto deles, qualquer iop é um sábio dignos das maiores proezas intelectuais, mas como uma espécie subdesenvolvida que parece não ter saído da idade da pedra conseguiu construir uma masmorra?

Nessa nova história da ankama, ela nos mostrou isso e revelou que embora a sociedade bwork seja primitiva, ela tem sua história, sua hierarquia, suas regras, códigos e rituais (muitos deles são brutais) e tudo isto aconteceu graças a um único indivíduo, Bworker.

Sérgio, líder da guilda Hey Manollo's e Bworker, separados por um game.

Bworker e Sérgio, lider da guilda Hey Manollo’s, separados por um game.

 

 

Então vamos ao que interessa:

A história começa quando Mori Arty, um personagem que se sabe muito pouco diga-se de passagem, vai à ilha de Otomai para falar com Doutor Morose e pedir a ele que crie um ser artificial que seja capaz de unir a comunidade Bwork, o doutor, aproveitando seus conhecimentos, começa preparar seus materiais para criar um arquimonstro Bwork, uma cobaia tinha que ser utilizada e o escolhido foi Bworker.

Mori Arty e Morose

 

Para isto, Morose e Mori Arty contrataram o serviço do maior caçador do mundo dos doze, o mais conhecido pelos aventureiros, Nervak, o lendário caçador de conchassauros. Como qualquer um sabe, Bwork foi uma presa fácil para o caçador e foi facilmente capturado.

Nevark captura Bworker

 

Bworker não era um indivíduo superior, ele era apenas um bwork comum, não tinha super força e também não era mais esperto que qualquer outro bwork de sua tribo. Para melhorar essa situação, Morose entrega sua cobaia para um amigo chamado Navi Volvap, ele foi o responsável por treinar o monstro na arte do combate e transformá-lo num assassino.

navi e bwork

 

Após terminar o seu treinamento, Bworker arquiteta um plano para fugir da ilha de Otomai, onde estava sendo mantido como prisioneiro. Ele consegue escapar, mas sua fuga não foi bem sucedida por causa do seu plano (que não era muito bom, vale ressaltar), ela foi bem sucedida pois Mori Arty assim queria, o estranho vilão queria que Bworker ficasse muito poderoso e fugisse da ilha, pois sabia que ele voltaria para sua terra natal.

Quando voltou para sua terra natal, Bworker fez novos amigos, um faz-tudo chamado Bworkenroll e Krazybwork, o chefe da sua tribo, ambos gostam muito de seu poderoso amigo e são aliados dele até hoje. Foi nessa época também que Bworker conheceu aquela que viria a ser em pouco tempo a sua esposa, uma linda bworkete.

Alihana que me desculpe, mas até que essa Bworkette é bonitinha '-'

Mas nem tudo são flores, um dia, quando estava voltando de um rito de iniciação de sua raça, Bworker e alguns guerreiros de sua tribo encontram um exército de srams que estavam se preparando para atacar a aldeia, eles pensaram em atacar mas perceberam que eram muitos inimigos, aquilo seria uma guerra e eles precisavam de um exército, o grupo reúne todos as pessoas da tribo que eram capazes de lutar e Bworker, por ser o único com treinamento para tal, assume a liderança das tropas, graças a ele os bworks agora teriam uma tática de batalha, eles agora eram capazes de lutar de forma eficaz e era isso que iriam fazer. Os inimigos queriam uma batalha, e era isso que eles teriam.

Tá na hora do pau!

A batalha seguia igual e era impossível falar com exatidão quem iria vencer, liderados por Bworker, o povo bárbaro defendia bravamente seu território contra o ataque da tropa sram até que algo ruim acontece para Bworker, sua esposa é morta em batalha e aquilo foi a gota d’agua para o plano de Mori Arty entrar em ação.

Como sempre, a joça da esposa tem que morrer pro cara incorporar o capeta no corpo e esfolar todo mundo.

Durante seus experimentos, Morose injetou algo em Bworker (algo parecido com o soro do super soldado que foi usado no capitão américa) mas ele só faria efeito quando a carga hormonal da pessoa estivesse altamente elevada, no caso do guerreiro, a raiva que ele sentiu quando viu sua esposa morrer acabou desencadeando o efeito desse “soro”  e isso transformou sua força, mente e sede de poder, foi um péssimo dia para os srams, graças aos seus novos poderes Bworker sozinho trucidou todos e no final, já totalmente enlouquecido ele decidiu reunir todos os povos sob uma única bandeira: a sua.

Mas ele não sabe que isso tudo aconteceu por causa do plano de Mori Arty e Morose, felizes, eles observavam de longe o poder de sua criação e agora esperam apenas o momento certo para recuperar o controle sobre a poderosa criatura.

"Tu tá maluco? Respeita o moço Patente alta, dá aula, Bigode grosso"

Será que um dia Bworker será reformulado? Será que ele vai ficar ainda mais forte do que já e vai ser usado por Mori Arty para dominar algum outro local?

Essas perguntas ainda não têm respostas, mas eu não duvido de nada. Assim que eu souber de algo informo a vocês.

Curiosidades Curiosas:

O personagem Doutor Morose é uma alusão ao romance A ilha do doutor Moreau, um romance que foi publicado em 1896 e já foi adaptado várias vezes para o cinema.

Cara de maluco da peste.

 

Nervak é claramente baseado em um dos vilões do Homem-Aranha, Kraven, o caçador (foto dele abaixo), a prova disso é que além de sua aparência o nome Nevark nada mais é que Kraven escrito de trás pra frente.

Kraven, o inimigo do homem aranha e Nevark, o caçador no canto superior esquerdo da imagem.

 

 

O vilão Mory Art foi claramente inspirado em James Moriarty, o inimigo do lendário Shelock Holmes, ele existe dentro do game e está localizado dentro de uma casa em [9,-4], você pode conseguir uma capa com ele, basta levar 80 flores de dandélio diabólico e trocar.

Olha a capa do homi aí

Eu e um colega que conheci recentemente chamado Zan-Shui, um panda que tem futuro no game, um abraço menino.

Eu e um colega que conheci recentemente chamado Zan-Shui, um panda que tem futuro no game, um abraço menino.

 

O personagem Navi Volap foi baseado no médico e psicólogo russo Ivan Pavlov

Espero que gostem, um abraço, Axe Blond, deusa menor do conhecimento.

Como hoje não tem gif, deixo para vocês uma imagem sobre o treinamento recebido por Bworker, vocês conseguem reconhecer as poses e me falar de onde vieram?

Como hoje não tem gif, deixo para vocês uma imagem sobre o treinamento recebido por Bworker, vocês conseguem reconhecer as poses e me falar de onde vieram?

 

Shariva, a deusa do tumulto

Olá meus povos e minhas povas,

Essa estátua é uma forma "capirotesca" do zé gotinha, na boa.

Essa estátua é uma forma “capirotesca” do zé gotinha, na boa.

 

Hoje trago para vocês mais uma das histórias que eu, a semi deusa do conhecimento no mundo dos doze, gosta de contar. Desta vez, trago algo novo, um novo projeto da ankama que ainda não foi muito bem explicado mas eu tenho minha teoria sobre isso.

Primeiramente, contarei a vocês a história dessa nova deusa que chegou ao nosso querindo mundo e o que a ankama revelou sobre o seu sumo sacerdote, o Marquês de Lhambadda.

Vamos ao que interessa:

A chegada:

Large_river_fish

 

Reza a lenda de que a Shariva apareceu no mundo dos doze quando a primeira gota de chuva de uma nuvem solitária caiu sobre um lago em uma noite de tempestade que precedeu um terremoto.

A água, antes tão calma, foi logo tomada por ondas tumultuosas que, uma vez que atingiam as bordas do lago, retornavam em direção ao epicentro da perturbação, fazendo surgir sobre o líquido uma massa única de energia pura.

Dessa massa, emanou rapidamente uma voz.

Não uma voz doce, como poderíamos esperar, mas uma voz nasalada.

– Parece que chegou a hora da Shariva!

E era verdade.

Shariva estava lá e o tumulto agora poderia se instalar.

A luz se elevou em direção aos céus , pronta para realizar sua obra,  com o espírito transbordando de ideias que transformariam esse mundo em uma terra de aventuras. Uma terra que se move. Uma terra animada.

Ela só precisava encontrar uma coisa: Um discípulo capaz de transportar seus ensinamentos para além das montanhas nevadas de Frigost, e para além da estupidez do Astrubiano comum. E ela encontrou um, o Marquês de Lhambadda. (Ela poderia ter me escolhido!)

Sua luz desapareceu entre nuvens. A terra tremeu.

Agora que sabemos sobre a deusa, vamos aprender sobre seu fiel servo, o Marquês de Lhambadda:

dentola do satanás

 

O marquês de Lhambada, cujo nome verdadeiro é desconhecido, é um homem que tem a incrível habilidade de arrumar problemas devido ao seu temperamento infantil e inconsequente.

Banido de Pandala por ter colocado plantas diuréticas nos barris da bebida sagrada da taverna do pandawa bêbado, detestado por Amayiro por ter trocado o arsenal da milícia de Bonta por escudos de espuma na véspera de uma importante conquista de território e perseguido pelo mago Ax desde o dia que fez furos nos frascos usados no concurso do jovem alquimista no qual ele era o principal juiz, o marquês de Lhambada é capaz de fazer milhares de inimigos em um tempo razoavelmente curto.

Para sua sorte, o marquês é um cara podre de rico e talvez essa grana toda que ele tem de sobra o ajude a se manter vivo depois de tantas confusões e de tantos inimigos poderosos!

Ele mesmo conta que herdou esse dinheiro todo de sua ex-mulher, que tinha quinze anos quando se casaram, eles estavam viajando de navio, curtindo a lua de mel num lugar próximo à ilha da lua, quando o marquês furou o casco do navio e fugiu num bote, deixando sua noiva lá para morrer, segundo ele, tudo isso foi “pelo bem da história”, pois ele queria que sua herança estivesse à altura da capacidade dele… A capacidade de partir corações.

Ninguém sabe se ele falou a verdade ou não, na verdade, ninguém sabe quando ele fala a verdade ou não, mas o marquês sorriu no dia que contou isso e esse sorriso pode ser a prova de que ele realmente cometeu tal ato.

O marquês sempre foi atraído pelas tendências mais pérfidas e nunca viu o bem e o mal como uma linha de conduta que deve ser adotada. Alegria, desprezo, tristeza… para ele, todos esses sentimentos são iguais se a maneira que nos conduz a tal emoção valer a pena.

Adepto do caos, este homem tem apenas um medo: MONOTONIA.

Ele se apresenta como o primeiro partidário de uma vida completa e movimentada e tem medo de passar um único momento sem se divertir, olhando por este lado, a morte não tem muita importância na equação de sua existência, para ele, é o tédio que se opõe à vida.

Ninguem conhece sua infância, nem mesmo eu, a deusa menor do conhecimento que vos fala agora, mas honestamente, este quarentão de alma nobre e seguro de si nunca deixou sua infância para trás.

Se um dia você se encontrar com ele seja por sorte, ou por divino azar, reze. Reze para não ser objeto do interesse dele.

Tocando " A thousand miles" enquanto o Marquês não vinha falar comigo.

Tocando ” A thousand miles” enquanto o Marquês não vinha falar comigo.

 

Agora você deve estar se perguntando “Mas como eles se conheceram”, dentro da casa do Marquês tem um livro onde ele conta sobre isso:

“Os Ladinos saíram bem cedo, levando com eles parte dos espólios.

O assalto ao banco de Astrub ocorreu sem nenhum problema. É claro, o Marquês insistiu em compartilhar o dinheiro entre duas pessoas que estavam apenas passando, não ficando com uma única kama para ele – mas esse é o seu jeito.

O Marquês nunca procurou viver luxuosamente, nunca foi atraído para a incansável procura por ouro, nunca ficou gagá por jóias ou casas majestosas, e nunca foi motivado de forma alguma por bens materiais. Na verdade, quando ele se via com um carregamento de kamas obtidas ilegitimamente, ele era incapaz de se imaginar gastando-as em qualquer coisa. Seu único prazer e objetivo na vida era não ter uma vida monótona. Então, você pode ter certeza de que, quando suas bochechas coraram e seus olhos piscaram quando ele lembrava dos assaltos, não era o esplendor das moedas que deixavam seu coração acelerado, mas a memória de jogar a cidade em desordem, a agitação da adrenalina, a emoção do inesperado, e a hilária imagem das penas das caudas dos banqueiros caindo por causa do medo de debaixo de seus uniformes amarrotados. Ele pegava essas mesmas penas como um suvenir, e tem, desde então, colocando-as em seu sofá para dar-lhe mais maciez.

 

Como não encontrei o famoso sofá com penas, sentei-me no trono do Marquês mesmo.

Como não encontrei o famoso sofá com penas, sentei-me no trono do Marquês mesmo.

 

Uma vez que a euforia diminuía, não demorava muito tempo para nosso pequeno agitador voltar à ativa enquanto lembrava dos ganhos que ele tão alegremente distribuía, e isso o levou a perceber uma coisa interessante. “Estou eu em plena sanidade compartilhando meus espólios entre dois estranhos? Claro que seria melhor se eu jogasse os espólios no chão entre os dois, e então eu poderia sentar e comer castanha de caju enquanto aproveitava o show vendo os dois se matando para conseguir o prêmio!”

O Marquês jurou que jamais deixaria tal chance escapar novamente. Melhor que brincar com diamante bruto, ele poderia sempre optar pelo caminho da máxima destruição.

Uma noite, ele estava relaxando nas águas frescas do Lago de Astrub, sentindo-se jovial e lemrando dos eventos do dia em sua mente, assim como ele fazia toda manhã. Esse era o paradoxo de sua vida : sempre procurando novas maneiras de vencer o tédio, ele estava indo para um novo tipo de monotonia! Porém, esse não era o pensamento que se passava pela mente do bom Marquês aquela noite. Não, tudo que ele podia pensar enquanto olhava para a estrelada abóbada era uma pergunta que ele, até então, nunca falou em voz alta:

“Por dez longos anos, todo dia,

Em tudo que faço e tudo que digo,

Onde quer que eu vá, quem quer que eu veja,

Eu me comprometi com a inovação.

Bem longe das muralhas da cidade,

Eu errei em responder os chamados da natureza;

Eu comecei incêndios, confusões e brigas,

Trouxe o perigo para minhas noites e dias…

Para toda fraude, eu saio livre,

Então, agora eu pergunto: Como isso pode acontecer?

Os deuses no Céu podem ver meus crimes,

Eu devo ter pecado mil vezes,

Sou eu isento de acusação…?

Isso não pode ser minha imaginação.

Deuses, isso pode parecer presunçoso,

Por que eu sou invicto?”

Esse monólogo, e o silêncio pesado que seguiu, tiveram um efeito sem precedentes no Marquês, quando ele sentiu-se atipicamente humilde e arrependido. Invicto… Escolhido pelos deuses, de fato! Que pensamento! Na próxima vez, devo anunciar que sou imortal… E se alguém ouvisse? Ele era muito conhecido por sua atitude desinteressada. O que alguém que ouviu seus pensamentos pensaria de seu apelo desamparado para os deuses do Céu?

Até esse dia, ninguém sabe se tinha alguém agachado na vegetação rasteira para ouvir seu discurso e presenciar o encontro fatídico que seguiu. O Marquês escapou um longo suspiro, enrolou seu pergaminho e decidiu ir para casa, quando uma pequena bulha subiu para a superfície do lago… Seguido por outra, e outra. Vendo isso, o Marquês começou a balbuciar orações incompreensíveis; no instante seguinte, o céu sobre Astrub tornou-se preto num instante. O lago, usualmente perturbado por nada mais do que a ida e vinda de peixes curiosos, foi açoitado por um tufão violento. Numa questão de segundos, a quieta cena tornou-se um redemoinho de agitação, das profundezas de onde levantava-se, inequivocamente, uma deusa de más intenções. Shariva!

“Sua sinceridade tocou meu coração,

Então, em retorno, deixe-me transmitir-lhe

A verdade; Ó, meu querido Marquês, Eu estive observando suas travessuras com muito contentamento!

Oh, como eu ria, dobrando-me…

É por isso que eu o mantinha longe de problema.

 

Hoje, eu comprometo-me com você,

Em tudo que você vê e tudo que você faz,

Nós sonhamos os mesmos sonhos, completamente,

Então, vamos permanecer para sempre fiéis,

E fazer travessuras em dobro!”

 

Curiosidades curiosas:

Antigamente, antes do dofus 2.0 ser criado, existia um alinhamento “secreto” dentro do jogo, o nome desse alinhamento era Seriane Kerm, foto dos npcs e asas dele abaixo:

Índice multisrianesbt3

 

O alinhamento seriane era algo especial, você só fazia parte dele se jogasse em modo roleplay, como se estivesse jogando uma partida de RPG de mesa, dois servidores de dofus chegaram a ter esse alinhamento implementado, o Alma, da comunidade espanhola e se não me engano o Jiva, da comunidade francesa, uma vez, eu e algumas pessoas da BP que jogávamos nesse modo pensamos em implementar este alinhamento no servidor mas desistimos da ideia por um simples motivo: Imaturidade da comunidade luso-brasileira. Atualmente, esse alinhamento foi extinto.

Fazer parte desse alinhamento tinha suas vantagens e desvantagens:

Prós:

Você não tomava agress dos guardas das cidades e se algum jogador Brak ou Bonta lhe agredisse o guarda que protege os jogadores neutros entrava na luta para lhe proteger, ou seja, você poderia andar livremente com a “asa aberta”;

Você podia voar em qualquer prisma, independente dele ser Brak ou Bonta;

Você aproveitava os bonus de XP do alinhamento dominante sempre.

Contras:

Recrutamento altamente restrito, o que não permitia que qualquer jogador fizesse parte;

Você não tinha permissão de agredir livremente, para fazer isso a pessoa primeiro precisaria ter a missão, essa missão era dada apenas pelo GM responsável pelo alinhamento.

Mas enfim, com o fim desse alinhamento a ankama decidiu aproveitar a ideia e fazer algo novo, assim ela criou Shariva, que era a NPC líder dos serianes, a mesma ficava na casa e era comum que o GM responsável pelo alinhamento utilizasse sua skin, Shariva ganhou tantos seguidores que terminou o alinhamento para se tornar uma deusa, a deusa do tumulto =]

Não sei se a ankama pretende voltar com esse estilo roleplay de game ou se pretende voltar com as saudosas asas verdes, como ela já anunciou que pretende fazer com que todas as asas sejam obtidas por conquistas, nada impede que as asas serianes voltem, mas fiquei feliz em ver que ao menos ela lembrou disso.

A nova classe do game:

Nova classe

 

Todos nós já sabemos que em dezembro o game terá uma nova classe para alegria da galera (ou de uma parte dela pelo menos), algumas pessoas estão falando nos Eliatropes, coisa que eu acho infundada pois eles não existem no universo de dofus (mas como a ankama adora distorcer a história eu não duvido disso).

Porém, na minha humilde opinião, essa nova classe terá algo a ver com a nova deusa Shariva ou será a classe da viajera perdida (nome em espanhol, print abaixo) uma vez que são as duas novas criaturas estranhas a serem apresentadas no game.

167

Eu apostaria na segunda opção por dois motivos, a própia viajera fala que veio de um outro mundo onde as pessoas tem a capacidade de viajar entre os planos e nesse própio post a origem de Shariva pode dar alguma ideia:

“A água, antes tão calma, foi logo tomada por ondas tumultuosas que, uma vez que atingiam as bordas do lago, retornavam em direção ao epicentro da perturbação, fazendo surgir sobre o líquido uma massa única de energia pura.”

Massa única de energia pura… Será que Shariva é parente do Krosmoglob, um multiman recentemente implementado?

Krosmoglob

 

Quem fez a missão e leu sabe que ele é uma bola de energia que tem a capacidade de transportar as coisas por aí…

Pelo sim pelo não, vamos aguardar.

Gostaria de agradecer ao King-Sinbad por me ajudar com a tradução de um livro;

O saco de pulgas aí fingindo que sabe ler...

O saco de pulgas aí fingindo que sabe ler…

 

Espero que gostem, um abraço, Axe Blond, deusa menor do conhecimento.

Minha reação quando Shariva chegar definitivamente ao mundo dos doze "Run Axe! Run!"

Minha reação quando Shariva chegar definitivamente ao mundo dos doze “Run Axe! Run!”

 

Kanígrula, a grande matriarca.

Olá meus povos e minhas povas,

Miau, é isso aí!

Miau, é isso aí!

 

Estava eu voltando para o mundo virtual após o meu exílio de 10 (dez) dias sem internet(por vontade própia) quando loguei no face e vi que algumas pessoas estavam me pedindo para fazer um post sobre a Kanígrula, a grande matriarca.

Como a maioria de vocês sabe, eu parei de jogar dofus por tempo indeterminado e estava sem postar, mas já que vocês pediram, não me custa nada fazer o que eu mais gosto, contar histórias, então vamos ao que interessa pois o resto não tem pressa:

A lenda de Kanígrula

"Podem vir que eu lasco todo mundo na unha!" Lispector, Kanígrula.

“Podem vir que eu lasco todo mundo na unha!” Lispector, Kanígrula.

 

Filha de um habilidoso caçador, Kanígrula, que nem sempre foi chamada assim, cresceu com o desejo ardente de provar para seu pai que os kanigs não criam Miaws. Mas seu gentil pai estava desapontado por não ter um filho e fazia a menina sofrer, com isso ela acabou desenvolvendo sua perspicácia, seu gosto, sua inclinação natural para a caça dos kanigres.

Hm, vejamos... quem vai pra panela hoje?

Hm, vejamos… quem vai pra panela hoje?

 

Seu objetivo era simples: bater o recorde de Sim, o suave, ninguém menos que o maior caçador de kanigres de amakna, responsável pela morte de apenas 13142517(um bilhão, trezentos milhões cento e quarenta e dois mil e quinhentos e dezessete) kanigres (ô peste!) e para isso ela começou a fazer o óbvio, foi caçar! (nossa, não me diga Axe)

Caveirildo esperando o próximo Kanigre passar de bobeira e pisar numa trap letal.

Caveirildo esperando o próximo Kanigre passar de bobeira e pisar numa trap letal.

 

A jovem filha espancou severamente um monte de Kanigres até que um dia um deles lhe contou da existência de uma ilha desconhecida no meio do Mar Mota. Tribos inteiras de Kanigres viviam lá em paz. Ela não perdeu tempo, afiou suas garras e pegou o primeiro barco para em busca da Ilha dos Kanigs.

Dizem que a viagem foi bem dura, repleta de impaciência e incertezas. O humor se espelhava no cenário, ora no fundo, ora no topo das ondas, e às vezes talhado por trovões de raiva. O tempo passava lentamente e a cada dia uma pergunta insistia em rondar sua cabeça: a isolada ilha realmente existia?

Então o dia tão esperado chegou e a filha de Cania pisou na ilha misteriosa, mas, ao contrário do ela que ela imaginou, as criaturas não a atacaram e ao invés disso passaram a louvá-la.

Talvez o seu charme exótico e sua fúria devem ter feito dela uma emissária dos deuses aos olhos do povo selvagem, então ela teve uma ideia, caçou apenas as fêmeas e tornou-se única entre seu novo povo “A Grande Matriarca”.

Seu novo povo, cheio de orgulho, a rebatizou e assim ela passou a ser chamada do jeito que todos nós conhecemos agora, Kanígrula.

Curiosidade curiosa sobre a Kanígrula:

Seu pai:

O painho da Kanígrula.

Nevark, o painho da Kanígrula.

 

Kanígrula é filha de Nervak, o lendário caçador de conchassauros, ele pode ser encontrado na ilha de vulkania [-47,42], Nervak utiliza roupas de couro de kanigre e como podemos ver nos prints abaixo, existem várias lembranças dele no quarto de sua filha. Isso também reforça a tese de que Kanígrula nasceu em Vulkania e essa ilha distante que ela viajou nada mais foi que o continente de amakna, o deserto onde ela vive agora.

 

pedra

Olha a cara dele...

Olha a cara dele…

 

Além disso, Nervak também tem uma pequena ligação com a história do Bworker, mas esse post eu farei depois, aguardem alguns dias =]

Isso é tudo pessoal, espero que gostem, um abraço, Axe-Blond.

Eu e o menino Willi, o mais novo escara ranger tocando flauta, motivo: Estamos sem dinheiro, quem quiser doar umas kamas pra gente é só passar no zaap escara e deixar lá.

Eu e o menino Willi, o mais novo escara ranger tocando flauta, motivo: Estamos sem dinheiro, quem quiser doar umas kamas pra gente é só passar no zaap escara e deixar lá.

 

Especial Almanax – Março

 

MarçoOlê olê, olê olá! Dei uma pausa na folia de carnaval no meu sofá e volto esse mês para trazer-lhe-vos a voismicê os dias mais relevantes do almanax de acordo com minha estúoida opinião.

Ei-os:

1º de março: Todas as profissões de craft tem 3 em 20 chances (3/20 ou 15%) de economizar ingredientes quando trabalharem em Brakmar.

01_033 de março: Lenhadores colhem 150% (2,5 vezes) mais madeiras de Carpino e Bambu Sombrio.

03_034 de março: É DIA DA TRAQUINAGEM! Surpresinhas levadas da breca vão cair dos mob em geral! E o que essas malditas surpresinhas de Satã fazem? Podem transdormar você, bela moça, ou você, rapaz suspeito em um tofu gowdin ou em uma bela sereia se der sorte… mas se você tiver muito azar vai ganhar uma rosquinha de carnaval que dá 30 em sabedoria ‘-‘

04_039 de março: Fazendeiros colhem 125% (2.25 vezes) mais Lúpulo (que raio de tradução).

09_0310 de março: Todas as variedades de Dragoperu Índigo vão dar 1 filhote a mais se realizarem o parto no dia. Como de costume, programe os partos para que quando você chegar no padoque no dia 10 todo feliz e contente encontre um zoiudin a mais.

10_0312 de março: Pescadores tem chances de 1 em 10 (0,1 ou 10%) de economizar ingredientes. Só isso.

12_0313 de março: Esse é o dia D! A experiência ganha ao matar chefes de calabouços é dobrada (100% a mais).

13_0314 de março: Dia dos alquimistas ficarem com dor nas costas de tanto agachar para colher trevo de 5 folhas. Eles colherão 125% (2.25 vezes) mais trevos que o normal.

14_0317 de março: Vamos, vá em frente! Aproveite o dia e justifique seus hábitos boêmios na taberna, se você faz do tipo que é confundido com um Pandawa vai adorar fazer um brinde com o meride Ayerish; que por sinal estará aguardando na taberna de Amakna em [2,-1] e ele concederá uma bênção de resistencia de 5% e +10 resistência fixa por 15 lutas à todos os bebuns que por lá trançarem as pernas.

17_0318 de março: Depois da bebedeira vem o dia de trabalhar! Mexa esse traseiro e vá para a oficina, pois o bônus do dia é 50% (1,5 vezes) mais experiência da fabricação de itens.

18_0319 de março: Ainda na pegada do trabalho, mineiros vão colher 150% (2,5 vezes) mais manganês.

19_0323 de março: A natureza, em todo seu explendor e poder, irá crescer mais rápido e mais forte. Para nossa sorte temos vários lenhadores que vão aproveitar o bônus de crescimento dobrado (100%) em árvores para desmatar duas vezes mais. Não se preocupe, o Mundo do 12 continuará uma terra desmatada!

23_0324 de março: Fazendeiros tem 3 em 20 (3/20 ou 15%) chances de economizar ingredientes na fabricação de itens na oficina de Cania em [-26,-41].

24_0327 de março: Caçadores conseguem a PROEZA de retirar 125% (2.25 vezes) mais carne de todo tipo de larva, o que é científicamente impossível, já que larvas e demais insetos não possuem carne…

27_03 Escreva um post-it, coloque um alarme, ou simplesmente esqueça… Mas você ja tem tudo pra se programar para esse mês e tirar o melhor proveito do Almanax!

Tutorial: Como pegar o emote rir. Atualizado 2014

Oi pessoal, quem vai fazer o tutorial de hoje sou eu de novo o mano Wiili.

Tem vários tutoriais na net de como pegar o emote rir, mas alguns deles estão desatualizados, outros não são muito fácil de entender, então vou fazer o tutorial em vídeo pra ter melhor compreensão.

A Princípio você deve ter o Dofus Arena instalado, pois vai resgatar um porquinho chamado Barnaby. A aventura começa em  [10,-12] quando você vai conversar com um panda, dono de Barnaby que vai pedir a você pr ir resgata-lo.

Barnaby está congelado sobre o efeito de quatro cristais, você deve matar os cristais para descongelar ele e poder entrega-lo ao panda.

Feito isso ele lhe agradece e como recompensa lhe ensina a rir.

Segue abaixo o vídeo de como fazer essa jornada.

Abraço, Wiili.

Lembrando que o Buggeiman já fez um tutorial sobre isto aqui no blog, estou apenas atualizando ele, pois coisas mudaram e também inclui a voz no vídeo.

Dúvidas ? Me manda pm in-game /w Wiili-Wonka

Especial Almanax – Fevereiro

FevereiroAqui estão o que consideramos os melhores dias de fevereiro no almanax.

1º de fevereiro com a velocidade triplicada na recuperação de pontos de vida fora da luta e os itens que recuperam vida tem bônus de 200%! É o dia pra perder muita vida mesmo. XD

01_02

 3 de fevereiro: peixeiros tem 1 em 4 chances (1/4 ou 25%) de preparar um peixe a mais.

03_026 de fevereiro: joalheiros, ferreiros, escultores, mineiros, lenhadores, padeiros e fazendeiros tem 3 em 20 chances (3/20 ou 15%) de economizar recursos quando eles produzirem itens nas oficinas da planície dos escarafolhas.

06_028 de fevereiro: Lenhadores colhem 125% (2.25 vezes) mais madeiras de freixo.

08_0210 de fevereiro: Todas as variedades de Dragoperus Ruivos que derem filhotes nesse dia, irão parir 1 filhote a mais. Portanto, procure deixar suas montaries férteis previamente de forma que elas deem à luz no dia 10 para ganhar um remelento a mais *-* (não esqueça de cruzá-las com a energia cheia para maximizar o parto).

10_0213 de fevereiro: Mineiros colhem 150% (2,5 vezes) mais cobre. Dia de abastecer o estoque (e concorrer com bots!).

13_0214 de fevereiro: É o dia da paixão, do mozão, da sua cara metade, da cereja do seu pudim envenenado… Todas as pessoas afetadas pela chocrosis irão ter um bônus de 100% na xp. Chocrosis é a doença do dia dos namorados, e você se contagia com ela ao lutar contra papatudos rosa (fazendo com que seu char também fique rosa).

14_0216 de fevereiro: Caçadores tem 1 em 10 chances (1/10 ou 10%) de economizar recursos ao preparar carnes. Um ótimo dia para upar a profissão, já que caçadores só recebem xp ao prepararem receitas.

16_0219 de fevereiro: Pescadores pegam 100% (2 vezes) mais peixes. Bom pra upar a profissão…ou relaxar…ou contar pra todo mundo que você pescou um Raul Mops…

19_0223 de fevereiro: Recursos vão aparecer 150% (2,5 vezes) mais rápido nos Campos de cania. Eu vou correr e fazer um estoque de malto.

23_0227 de fevereiro: Caçadores vão ter suas habilidades aprimoradas e recolher as DUAS pernas dos malditos wabbits. O bônus concede 125% (2.25 vezes) de drop a mais de carnes dos wabbit. Perceba que esses 0.25 pode não ser exatamente uma perna.

27_02

Escreva um post-it, coloque um alarme, ou simplesmente esqueça… Mas você ja tem tudo pra se programar para esse mês e tirar o melhor proveito do Almanax!

Meia-Noite e um poucos sobre os demônios das horas

Olá meus povos e minhas povas,

Hoje contarei uma historia simples e pequena, de uma personagem dentro do game que é praticamente desconhecida pelos jogadores e só não é totalmente esquecida porque algumas pessoas assim como eu ainda interessam-se por essas histórias, seu nome é demônio da meia noite e ela tem uma participação pequena, mas importante, dentro da história do game e principalmente com Bonta, a cidade luz.

Quem é ela:

linda *_*

 

Meia noite é um dos vinte e quatro demônios das horas que regem sob a tutela do deus xelor, tem uma natureza bastante cruel e não gosta dos humanos, pelo contrário, ela fabrica cremes de pele usando dedos humanos amassados (menina malvada). O único humano que ela respeita é Letalina Sigisbul, uma osamodas que trabalha para ela capturando escravos, fazendo serviços de espionagem e etc, isso porque Letaline é tão cruel quanto ela, chegando a ser considerada não-humana por meia-noite.

Sua atual morada é é Hormonde, e seus votos já tiveram muito peso nas decisões tomadas pelo conselho dos demônios das horas, sua influência só era menor que a do demônio conhecido como VI (seis).

O que são os demônios das horas:

demonios das horas

 

 

Originalmente eles são shushu simples, e meia noite é um deles, ela também é um dos vinte e quatro shushus que concordaram em trair Rushu para estar a serviço do tempo, Xelor . Em troca de sua fidelidade Xelor confiou a cada um deles uma hora do dia. Esta nova funcionalidade permite-lhes escapar da tirania de Rushu e, especialmente, de deixar o mundo chato de Shushus para ir se divertir no mundo humano.

O erro de Xelor:

Devido a essa “rédea solta” os shushus das horas passaram a poder se divertir no mundo dos humanos e com isso eles passaram a destruir o mesmo (afinal de contas a maior diversão para os demônios é destruir as coisas), por isso, Xelor teve que intervir e arrumar alguma forma de impedir que os demônios continuassem com toda aquela destruição sem sentido, para tal façanha, ele prendeu os demônios na dimensão conhecida como Hormonde e retirou deles o direito de viajar entre os mundos, mesmo assim, os demônios ainda conseguiram uma maneira de criar portais que levam para o mundo dos doze, mas esses portais são pequenos demais para eles, a parte boa é que os portais tem tamanho suficiente para permitir a passagem de humanos, então os demonios tiveram uma ideia, capturar humanos e levá-los para lutar até a morte nas arenas de Hormonde, essa seria a nova distração deles.

Um exemplo de humanos capturados é Nomekop e seu bando, uma das histórias que eu já contei aqui.

Da esquerda pra direita, Ghimgam (morto), Nomekop, Edass e Eratz.

Planos da pequena Meia-Noite:

Atualmente ela sonha em recuperar a sua liberdade para conquistar o Mundo dos Doze e, especialmente, se vingar do deus Xelor, mas a única maneira de ter energia suficiente para derrotar os deuses é encontrando todos os dofus . Infelizmente, eles estão todos no Mundo dos Doze e como meia-noite e não pode deixar o Hormonde esse desejo é quase impossível para ela.

Porém, a demonio bola um plano, ela decide ter um filho com um humano (mais precisamente um sacrier) para que ele, utilizando seus poderes capture os dofus para ela, o plano incialmente dá certo e Pym, junto com sua mãe, consegue enganar quatro avatares de deuses, mas Xelor de alguma forma fica sabendo e prende o garoto na mesma dimesão que a de sua mãe.

Meia-Noite grávida e seu filho Pym, já crescidinho.

 

Como punição, Xelor retira todo o status que a demônio possuía, seu voto já não tem peso algum, ela não pode tomar decisões sem a aprovação do conselho e agora ela é supervisionada por todos os demônios, do mais fraco ao mais forte, para ela, esse castigo é pior que a morte.

bronca de xelor em meia noite

 

A única forma de recuperar o seu antigo status é vencendo um torneio extremamente difícil que é organizado por xelor, será que nossa amiga conseguirá?

Mas Axe, você falou que ela tem uma participação pequena, mas importante, dentro da história do game e principalmente com Bonta, que história é essa?

Simples, na batalha da aurora purpura (amanhecer carmesim ou escarlate), as tropas Djaul, lideradas por Vil Smisse destruíram Bonta completamente, Meia-noite advertiu Xelor falando que havia uma anomalia temporal na cidade de Bonta.

meia noite e xelor

 

Xelor então interveio para restaurar as coisas ao estado em que estavam antes do ataque, os mortos ressuscitaram e a cidade foi reconstruída por magia.
Se Bonta ainda existe , deve agradecer à meia-noite por alertar o Deus Xelor sobre isso.

 

O gif de hoje é especial e vem diretamente do futuro, esse lobinho branco é uma das invocações que eu tenho no wakfu, chamo ele carinhosamente de Astolfo.

O gif de hoje é especial e vem diretamente do futuro, esse lobinho branco é uma das invocações que eu tenho no wakfu, chamo ele carinhosamente de Astolfo, o carinhoso.

 

 

Espero que gostem, um abraço, Axe-Blond.

Tutorial: Upando Alquimista – By Willi-Wonka

Olá meus povos e minhas povas,

Desta vez o menino Wiili fez um tutorial para quem quer upar a profissão de alquimista e ao mesmo tempo começar a ganhar uma graninha com ela, gostei muito e estou postando aqui, espero que ajude:

Olá pessoal, aqui em fala é o enu mais lindo de todos :P

Hoje irei ensinar a como upar a profissão de alquimista;

Aprendendo a profissão:

Em incarnam, fale com Contra Mestre Ikula em [4,3].

O homem do V.O. ao contrário

O homem do V.O. ao contrário

O Homem do V.O. ao contrário.

O Homem do V.O. ao contrário.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Obs: Ele só ensina a profissão para personagens cujo nível seja no máximo 14 (quatorze).

A outra maneira de conseguir a profissão é restrita a personagens com P2P, você precisa falar com Libelula no Ateliê dos Alquimistas de Astrub [5,-20] e ele mandará você falar com Uba Tesse em [1,16] e fazer uma missão para ele;

Uba pedirá que você fale com algumas pessoas, segue abaixo o nome e as pos de onde você irá encontrá-las:

Boff Chalon em [2,-2];

Kande Boffler em [4,12];

Benn Zin em [1,31];

Vid Cheber em [11,16], uma dica para chegar nele mais rápido é utilizar o atalho para o templo dos Roublards;

Agora que você já tem a profissão, vamos colocar a mão da massa e aprender a upar;

2 Slots:

Poção do bibliotemplo:

1 osso de chafer;

1 unha de kanigrou;

bibliotempo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

É uma receita fácil que todos usam, isso já da pra lucrar de começo, não muito mas lucra-se.

Poção da lembrança:

1 trevo de quatro folhas;

1 agua;

lembrança

 

 

 

 

 

 

 

 

Lembrando que se você colher o trevo já upa junto, essa poção também é bem vendida e gera algum lucro,  não muito mas ainda sim lucro.

3 Slots:

Poção Mineral:

1 Estanho;

1 Sílex;

1 Pata de Arakne;

mineral

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Muitas pessoas usam para fazer pedra de alma plena, então vende que é uma beleza XD.

Poção do destino desconhecido:

1 pinça de carangueijo;

1 bolota;

1 agua;

destino

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ela te teletransporta para um local com alguns mobs da floresta dos Arvraknídeos, derrote-os e em seguida numa sala cheia de flores para serem colhidas, ajuda bastante no processo de up.

4 Slots:

Poção Hmmmmmm:

1 pele de larva laranja;

1 sangue de papatudo;

1 pata de arakne;

1 saliva de papatudo;

hmmmm

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Essa receita não vende muito, mas é facil e de 5 slots, então é muito boa para upar a profissão;

5 Slots:

Poção do coveiro:

1 cogumelo;

1 mão de mushd;

1 flor de linho;

1 bolota;

1 dente de wabbit;

coveiro

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A melhor receita até agora, possui ingredientes rápidos/fáceis de pegar e você pode dar pros coveiros da sua aliança nas guerras \o/

No level 60, consiga uma runa de alquimista para dizer a todos que seus serviços são de graça, assim você upa mais rápido.

6 Slots:

Essência da fazenda:

1 tabua de freixo

1 tabua de nogueira

1 poçao de memorização

1 tabua de carvalho

1 tabua de castanheiro

1 tabua de madeira de kokoko

fazenda

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ela é usada na receita de troféus, então muita gente faz/compra.

7 Slots:

Poção Bulbish:

1 flor de kaliptus

1 bulbo de pasaoh

1 bulbo de malibu

1 flor de kaliptus

1 bulbo de mojinho

1 bulbo de kurasso

1 farinha de arroz

bulbish

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A magnífica poção Bulbish *_* com ela você pode upar para o nível 100, usar para seu própio consumo ou vendê-la, pricipalmente deixando seu char em modo mercador ao lado do Professor Kalkulus, o NPC da ilha de Otomai que pede uma dessa na sua missão;

Ressalto aqui que escolhi as receitas que vão dando dinheiro após o up, nada lhes impede de usar outra claro;

Qualquer dúvida, ou se precisarem de ajuda, farei o que estiver ao meu alcance, não se acanhe, pode mandar PM para mim in-game;

Abraços doces do Wiili.

Levo o menino Wiili para fazer o ritual de iniciação escara ranger e ele queima a sala toda, incluindo seus filhos, quanto orgulho *_* PS: O Koalak está internado em estado grave.

Levo o menino Wiili para fazer o ritual de iniciação escara ranger e ele queima a sala toda, incluindo seus filhos, quanto orgulho *_*
PS: O Koalak está internado em estado grave.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Opinião pessoal da loira:

Obviamente que eu gostei do tutorial e por isso postei ele no blog, gostei demais da ideia do wiili de mostrar as receitas que você pode ganhar uma grana ao mesmo tempo em que aumenta o nível de sua profissão, isso foi muito bem pensado;

No mais, tudo certo, parabéns Willi.

Espero que gostem, abraço, Axe-Blond.

Sphincter Cell

Olá meus povos e minhas povas,

Cuidado com sua voadora dupla de dois pés.

Cuidado com sua voadora dupla de dois pés.

 

Depois de muito tempo sem postar uma história pra vocês, hoje eu decidi postar algo pra matar a saudade, vamos aprender agora o que a ankama nos contou sobre esse lendário mestre rato.

Primeiramente, vamos ver o que a ankama conta na dungeon dos ratos de amakna sobre o Sphincter:

“Tudo que sabemos é que Sphincter era o animal de estimação de um mestre de pandawushu chamado Hamatawam Yoshawa, que vivia na ilha de pandala. Favorecido pelas incríveis habilidade de sua espécie, esse traidor poderia aprender a arte do seu mestre, através da imitação, enquanto o observava praticando em seu dojo. Mas Yoshawa tinha um inimigo, o mestre Orukawa Nagitan.

O dono de splinter apaixona-se pela mesma mulher que Orukawa era apaixonado e ela escolhe Yoshawa, isso faz com que Orukawa ataque a dama e Yoshawa a defenda, então os dois lutam e o dono de sphincter mata o inimigo.

Assim, os dois decidem ir embora e morar em Amakna, mas são perseguidos pelo primo de Orukawa que mata os dois e assim o rato fica sozinho no mundo, escondendo-se nos esgotos de amakna.

Dizem que ele encontrou Otomai e enquanto este estava testando uma nova poção com efeitos desconhecidos em algumas tartarugas da ilha da lua, Otomai confiou ao rato suas tartarugas mas não esperava que a poção fizesse efeito em ratos e assim Sphincter cresceu.”

Agora vamos ver as novas informações reveladas pela Ankama:

O tirano Ali Grothor imperava nos esgotos de Bonta, escravizando todos os ratos, ele os utilizava para tudo, inclusive como comida porém os ratos do lugar nada podiam fazer contra o imperador jacaré pois eles não sabiam lutar, o tirano possuía um exército e além disso tudo, Ali Grothor controlava quatro tartarugas que tinham o poder de retirar o vigor do oponente, deixando a luta ainda mais fácil para ele.

ê lindeza viu

ê lindeza viu

 

Ainda assim, muito revoltado com a situação e querendo ver os ratos livres de tamanha opressão, Sphincter decidiu enfrentar Ali Grothor num combate, ele confiava no seu estilo de luta, o pandawushuka, que aprendeu observando os treinamentos de seu mestre.

O combate seguia acirrado, Sphincter tinha chances de vencer, mas Ali Grothor chama suas tartarugas e manda que elas utilizem seu poder especial, enfraquecido, Sphincter é golpeado violentamente pelo martelo do jacaré e fica à deriva, abandonado para morrer na rede coletora de esgoto.

Para sua sorte, dois jovens amigos ratos que conseguiram escapar da prisão de Ali Grothor estavam passando perto da rede coletora quando avistaram e resgataram Sphincter cuidando dele para que o mesmo não morresse, quando acordou, o mestre de pandawushuka perguntou o nome dos jovens e eles disseram que se chamavam rato preto e rato branco. Como forma de agradecimento, o mestre rato decide treinar os jovens na arte do pandawushuka, coisa que ele havia aprendido de seu mestre, tudo na base da observação, mas nem tudo seriam flores.

"Rasgo todo mundo na unha!" - Starchan

Um mercador conhecido como Don Groleone interessa-se pela arte que lhe foi mostrada por rato preto e tem a ideia brilhante de revendê-la para assim ganhar um bom dinheiro com a venda desses artigos, porém, assim que ele consegue uma boa quantidade de gravuras, o bandido engana Rato Preto e o prende, então encaminha uma mensagem para Ali Grothor informando que um dos prisioneiros está lá e que ele sabia do paradeiro de Sphincter Cell.

 

O Tirano Crocodilo fica furioso por saber disso e também por saber que Don Groleone queria vender as obras de arte e lucrar sozinho com elas, então parte com boa parte de seu exército para a casa do mercador, Sphincter, que estava observando os movimentos do jacaré há algum tempo, percebe essa falha e arma um plano com Rato Branco, ele iria para onde Ali Estava indo e Rato Branco teria o dever de soltar todos os prisioneiros e partir para lá em seguida, então foi isso que eles fizeram.

Sphincter ganha algum tempo distraindo o oponente até que Rato Branco chega com todos os ratos que estavam aptos e dispostos a lutar, então a batalha finalmente começa de verdade, era a guerra pela sobrevivência, literalmente era matar ou morrer.

Durante a batalha, Sphincter percebe como Ali Grothor controla as quatro tartarugas ninja, o óculos que ele usava era que tinha tal poder, no calor da batalha, o mestre rato consegue derrubar o melhor soldado inimigo e roubar o óculos que controlava essas tartarugas, Ali Grothor, vendo que sua situação não era boa que sua chance de vitória agora seria nula decide ir embora, jurando vingança.

 

Os ratos venceram.

Sphincter fica nos esgotos com os ratos, pois iria cumpri seu juramento, proteger todos eles de todo mal exterior e lá fica por muitos anos.

Até que um dia, alguns roublards invadem as galerias e conseguem surpreender o mestre, os ladinos usavam uma tecnologia que ele não conhecia, bombas, o mestre rato consegue derrotar os bandidos mas é pego pela explosão, o óculos se quebra no processo e sua vida começa a esvair, aos poucos, até que as tartarugas ninja, já crescidas, que nunca haviam sido utilizadas por ele em nenhum momento surgem, salvam a vida de seu mestre e dizem que ele está livre do juramento, agora ele pode partir para sua ilha natal que ele tanto falava nas histórias que contava.

 

O que liga a histórias nunca foi falado, mas eu acredito no seguinte:

Sphincter obviamente não voltou para pandala, afinal de contas ele não teria mais nada para fazer lá, provavelmente ele seguiu pelos esgotos, ou até mesmo pela superfície à procura de um local para viver e foi parar nos esgotos do castelo de Amakna, acredito que ele, no game, utilize os óculos como uma lembrança de seu passado, já as tartarugas, talvez sigam ele por respeito como mestre e não como escravas, coisa que elas nunca foram na verdade.

Curiosidade curiosa sobre Sphincter:

Existem três easter eggs em relação ao mestre rato de pandawushuka, dois deles você de cara nota já o terceiro… digamos que só algumas pessoas saibam, então vamos a lista:

1- Obviamente que Sphincter é uma alusão ao lendário Mestre Splinter, professor das também lendárias tartarugas ninja Rafael, Donatelo, Michelangelo e Leonardo, quem tem a minha idade ainda deve lembrar do bordão delas “KAWABANGA!”

Lembrei de minha infância, com o meu nostálgico super nitendo jogando tartarugas ninja e soprando a maldita fita pra fazer ela funcionar.

Lembrei de minha infância, com o meu nostálgico super nitendo jogando tartarugas ninja e soprando a maldita fita pra fazer ela funcionar.

 

2-  Outra fácil, pelo menos para quem gosta de jogar videogame e nasceu no tempo que o PS1 era top de linha, mas eu acredito que quem nasceu na era do PS2 e até do PS3 conheçam o game Splinter Cell, desenvolvido pela Ubisoft em 2002.

mestre-splinter

mestre-splinter

 

 

3- Essa é a que vai chocar muita gente, o nome Sphincter refere-se ao músculo esfíncter que é feito de fibras circulares dispostas em forma de anel, que controla o grau de amplitude de um determinado orifício, popularmente falando, esse musculo é conhecido como ânus, ou seja, Sphincter Cell, se fosse traduzido ao pé da letra seria chamado de Celula do Ânus ou Célula do “fiofó” pra ser mais educado.

Agora vocês já sabem, se alguém mandar você tomar no esfíncter, tenha cuidado…

Sua reação ão descobrir sobre o Esfíncter.

Sua reação ão descobrir sobre o Esfíncter.

 

Espero que gostem, um abraço, Axe-Blond.

Guia atualizado sobre como obter o escudo de Incarnam e o emote ajoelhar.

Olá meus povos e minhas povas;

Lembrei de minha infância, quando minha mãe me deixava de joelho no milho T_T

Lembrei de minha infância, quando minha mãe me deixava de joelho no milho T_T

 

Devido a quantidade imensa de dúvidas nos comentários dos dois posts eu decidi fazer esse aqui listando todas as missões que você precisa fazer para obter o seu escudo de incarnam e o emote ajoelhar, espero que ajude:

Para o escudo de Incarnam:

Siga seu caminho;

Na trilha dos dofus;

De Nhin para nhin;

Vida após a morte;

As relíquias de Setzun;

As relíquias de Ryzsun

Jornada para Astrub.

Para o emote:

Acessoria notável;

Após a missão acessoria nótável você poderá fazer as missões do npc da sua estátua de classe;

Após essas missões você iniciará a missão “Rumores Astrubianos” com o NPC Conselheiro Arky, nessa quest você ganha o emote Ajoelhar;

Espero que ajude, um abraço, Axe-Blond.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 52 outros seguidores